miercuri, februarie 22, 2006

"Aves de capoeiras terão de ser declaradas" em Portugal

Segundo um artigo da jornalista Ângela Marques, publicado no Diário de Notícias, "'Não se adivinham coisas boas.' Foi assim, em tom de lamento, que o proprietário da exploração de aves de Aveiras de Cima, na Azambuja, visitada ontem pelo ministro da Agricultura, anteviu o futuro dos avicultores portugueses. Minutos antes tinha ouvido o governante dizer que os proprietários de capoeiras de todo o país poderão ser obrigados a declarar as aves que possuem e a responsabilizar-se pelo isolamento dos animais.
É que já nem a Comissão Europeia duvida: a época crítica para a transmissão da doença chega com o regresso das aves migratórias de África. 'E para o nosso país o maior problema são as pequenas capoeiras que muitos portugueses têm', diz o ministro português Jaime Silva.
O vírus H5N1 não escolhe as zonas de risco sinalizadas pelo Instituto de Conservação da Natureza - onde as medidas de biossegurança estão a ser cumpridas há meses - para se alastrar. Por isso, 'é necessário impedir o contacto das aves migratórias com as das exploração para consumo' em todo o território." (As hiperligações foram acrescentadas)
Este texto está acessível na íntegra.

Niciun comentariu: