luni, februarie 20, 2006

"China: Governo passa a punir políticos que desprezem protecção ambiental"

Segundo o Diário Económico, "As autoridades chinesas vão punir os funcionários públicos que descurem a protecção ambiental no esforço de crescimento económico, anunciou hoje a Agência Estatal de Protecção Ambiental (SEPA), o equivalente chinês a um Ministério do Ambiente.
As autoridades de supervisão ambiental e económica anunciaram também que vão passar a cooperar para fazer cumprir as leis de protecção ambiental e para investigar eventuais ilegalidades, refere uma nota de imprensa publicada na página Internet da SEPA.
'Com o ritmo do desenvolvimento económico a ganhar cada vez mais velocidade, existe uma óbvia falta de coordenação entre o desenvolvimento económico e a protecção ambiental, que se tem tornado pior a cada dia que passa', refere a SEPA em comunicado.
'A aparência de que se presta demasiada atenção ao desenvolvimento económico e muito pouca atenção à protecção ambiental teve como principal consequência a falta de aplicação de algumas leis, a falta de aplicação séria de outras leis e violações correntes à legislação', considera também a agência." (A hiperligação foi acrescentada)
Esta notícia está acessível em texto integral.

Niciun comentariu: