luni, ianuarie 30, 2006

"Águas: privatização ou caos"

"Numa entrevista ao Diário Económico, o ministro do Ambiente declarou que o sector das águas nunca seria privatizado. Trata-se de uma decisão com um carácter claramente ideológico. Não há nenhuma razão válida para que não se possa recorrer à iniciativa privada no sector da água. E a persistência das soluções estatizadas trará seguramente muito menor eficiência e portanto custos mais elevados e menos qualidade de serviço para os consumidores.". Desta forma responde António Borges, Ph.D pela Stanford University e Managing Director & Vice Chairman da Goldman Sachs International e também activista do PSD de Portugal, ao Editorial de Martim Avillez Figueiredo no Diário Económico, da passada Sexta-feira. Mesmo tratando-se de um texto politicamente empenhado, dever ser lido e constituir objecto de reflexão.

Niciun comentariu: