marți, decembrie 26, 2006

"Reestruturação da Agricultura 'ameaça saúde pública'" em Portugal (!?)

Nos termos de um artigo da jornalista Carla Aguiar, publicado no Diário de Notícias de hoje, "A reestruturação anunciada para o Ministério da Agricultura 'deixa o País sem resposta para o diagnóstico de doenças como a gripe aviária, BSE, tuberculose, raiva, brucelose e resíduos alimentares, como, por exemplo, os nitrofuranos'. A acusação parte do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado, que critica a deslocalização dos serviços do Laboratório Nacional de Investigação Veterinária, de Lisboa (LNIV), para o de Vairão, no Norte do País. Em declarações ao DN, Bettencourt Picanço disse que as instalações no Vairão 'não têm equipamento, nem pessoal suficiente nem know-how para dar resposta às análises solicitadas'. Mesmo que o Governo conseguisse fazer a transferência do equipamento rapidamente, ficariam a faltar os técnicos, sustenta aquele dirigente sindical. É que a própria lei da mobilidade especial prevê limitações à transferência de funcionários, tendo em conta as distâncias entre o local de trabalho e de residência, não sendo este um problema que se resolva rapidamente." (As hiperligações foram acrescentadas)
Este texto está acessível na íntegra.

Niciun comentariu: