luni, iulie 17, 2006

"Instituto de Conservação da Natureza admite alterar limites de áreas protegidas" em Portugal

Segundo o Público Última Hora, "O Instituto de Conservação da Natureza (ICN) admite alterar os limites das áreas protegidas, à semelhança do já proposto para a Serra da Estrela, para que coincidam com a Rede Natura, disse à Lusa o presidente daquele organismo.
Não foram especificadas quais as eventuais alterações. Os planos de ordenamento do Alvão e do Tejo Internacional estão concluídos e deverão entrar brevemente em discussão pública. E estão a ser elaboradas propostas relativas às áreas protegidas do Sapal de Castro Marim, Ria Formosa, Sudoeste Alentejano, Reservas Naturais do Estuário do Tejo e do Sado, Paul do Boquilobo, Berlengas e Litoral Norte.
'O objectivo é tentar ajustar as zonas protegidas à Rede Natura, a longo prazo, para fazer com que os limites das áreas protegidas coincidam com os sítios integrados nesta rede ecológica europeia. São estas as áreas definidas como valores naturais a nível europeu e são estas as que mais interessam', afirmou João Menezes, acrescentando que o 'ajustamento' será feito de forma gradual." (A hiperligação foi acrescentada)
Este artigo pode ser lido em texto integral.

Niciun comentariu: