luni, iulie 31, 2006

Em Portugal, "Comércio ignora lei sobre espécies exóticas"

O Jornal de Notícias de hoje denuncia que "A maioria das lojas que comercializam animais de companhia infringe a legislação e ignora os avisos de afixação obrigatória relativos à introdução de espécies exóticas em Portugal, como demonstram as inspecções das autoridades.
Numa inspecção realizada em 2004, com vistorias a cerca de 900 estabelecimentos deste género, '99% das lojas tiveram pelo menos uma situação de incumprimento', disse à Lusa João Loureiro, do Instituto de Conservação da Natureza, uma das entidades envolvidas na acção, a par da Direcção-Geral de Veterinária e do Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente da GNR."
Este artigo está disponível em texto integral.

Niciun comentariu: