duminică, decembrie 04, 2005

"Banco Mundial: Barreiras comerciais agrícolas 'indefensáveis'"

Como refere o AgroNotícias, "As barreiras comerciais agrícolas são um 'obstáculo' ao desenvolvimento dos países mais pobres e são 'indefensáveis', afirmou sexta-feira o presidente do Banco Mundial, o norte-americano Paul Wolfowitz.
No domínio agrícola, 'temos de dizer simplesmente, as barreiras comerciais são nocivas e indefensáveis', afirmou Wolfowitz, durante o jantar anual da organização nacional Foreign Trade Council.
As declarações de Wolfowitz surgem a uma semana da abertura, em Hong Kong, da reunião da Organização Mundial do Comércio (OMC), que abordará a questão controversa do proteccionismo agrícola.
'As barreiras comerciais constituem um grande obstáculo' ao desenvolvimento dos países pobres e 'reduzi-las é a chave para combater a pobreza', insistiu o presidente do Bando Mundial, citando especialmente o caso dos países africanos. 'Existe uma grande exigência para que o comércio seja facilitado nos países pobres', indicou.
O presidente do Bando Mundial alertou novamente contra o falhanço das negociações do ciclo de Doha sobre a liberalização do comércio mundial, que se realiza na próxima semana em Hong Kong. 'Um falhanço será um passo atrás' e 'um perigo', disse. 'Há muito em jogo para os países pobres' e 'os benefícios (para eles) são potencialmente enormes', insistiu.
No final de Outubro, Paul Wolfowitz e o presidente do Fundo Monetário Internacional (FMI) já tinham apelado aos países da OMC para ultrapassarem as suas divisões, nomeadamente sobre a agricultura, para chegar a um acordo em Hong Kong."

Niciun comentariu: