duminică, mai 13, 2007

"Turismo em defesa das energias alternativas"

Nos termos de um artigo da jornalista Leonor Matias, publicado no Diário de Notícias de hoje, "Reduzir as emissões de dióxido carbono é uma das principais preocupações da indústria do turismo a nível mundial. Ontem, no encerramento da cimeira do World Travel & Tourism Council (WTTC), os empresários assumiram o compromisso de apostar mais nas energias alternativas e contribuir para um turismo mais amigo do ambiente.
Jonh Francis, da Planetwalker, considera que o sector tem 'consciência do aquecimento global, das mudanças climatéricas', e que os empresários 'sabem o que devem fazer', mas considera que a questão ainda 'é muito exterior'.
Já o presidente da Enterprise Rent-a-Car, uma das maiores empresas nos Estados Unidos do rent-a-car, diz que o 'ambiente é um assunto de todos e não só da indústria do turismo'.
[...]
André Jordan, empresário português, considera que é necessário 'um organismo como as Nações Unidas que diga o que podemos fazer', já que 'preservar os recursos não é um acto de caridade'. No final, o ambiente foi relegado para segundo plano, quando um dos intervenientes - americano - criticou a falta de espaço no aeroporto de Heathrow, após o acordo de céus abertos entre a Europa e os EUA. Apesar da preocupação ambiental os negócios acabaram por dominar a discussão no final do VII WTTC." (A hiperligação foi acrescentada)
Este texto está acessível na íntegra.

Niciun comentariu: