luni, februarie 05, 2007

"ONU defende controlo mais apertado da nanotecnologia"

Segundo o Diário Digital, "O Programa das Nações Unidas para o Ambiente (PNUA) instou hoje os decisores políticos a proceder com urgência a uma avaliação da nanotecnologia, por considerar que a sua segurança requer um maior controlo e regulamentação.
Esta chamada de atenção consta de um relatório de 87 páginas sobre o ambiente global hoje apresentado por aquela agência da ONU em Nairobi, na abertura Fórum Ministerial Global sobre Ambiente.
O documento, elaborado por 80 peritos de todo o mundo, diz ser prioritário o estudo dos potenciais riscos dos nanomateriais que estão já a ser produzidos em massa.
A nanotecnologia, a tecnologia do infinitamente pequeno, baseia-se na utilização de átomos como blocos de construção, tendo como escala o nanómetro, ou seja, um milionésimo de milímetro. O seu objectivo é desenvolver novos produtos e materiais através da alteração ou criação de materiais a nível atómico e molecular, com aplicações em indústrias como a alimentar ou a farmacêutica, na cosmética ou na medicina." (As hiperligações foram acrescentadas)
Este artigo está acessível em texto integral.

Niciun comentariu: