vineri, octombrie 13, 2006

"Resíduos eléctricos já com recolha" em Portugal

De acordo com o Jornal de Notícias de hoje, "Equipamentos eléctricos e electrónicos em fim de vida podem ser entregues em centros de recolha, a partir do final do mês. Na fase de arranque,o sistema contará com 50 centros de recolha.
Dentro de 18 meses, serão 250 os pontos em que os consumidores portugueses poderão depositar gratuitamente grandes e pequenos electrodomésticos, equipamentos informáticos e de telecomunicações, rádios, televisões e lâmpadas fluorescentes.
As metas comunitárias prevêem a recolha e tratamento de quatro quilos de lixo eléctrico e electrónico por habitante/ano, o que faz calcular um fluxo de pelo menos 40 mil toneladas em Portugal. Há ainda que contar com os resíduos 'históricos', depositados em empresas e armazéns e que não pagaram o ecovalor, taxa introduzida em Maio passado para financiar a reciclagem deste tipo de resíduos.
A entidade encarregada do processo é a Amb3E (Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos), com 60 associadas e 500 em fase de adesão.
Nos centros de recepção, o material será dividido em cinco fluxos de valorização. Parte vai ser tratada em Portugal (caso das lâmpadas) outra parte vai ser exportada (caso dos tubos de raios catódicos das televisões)." (As hiperligações foram acrescentadas)

Niciun comentariu: